Carregando

Exposição “Concretismo e Percepção Visível”, de Paulo Dud, abre dia 8/2

Secretaria:
Cultura
.
29/01/2020 10:42

Artista que vive na cidade de Embu das Artes há mais de 30 anos mostra sua arte geométrica com efeitos visuais e movimento

  
O artista plástico Paulo Dud faz exposição da sua arte geométrica no Centro Cultural Mestre Assis do Embu, de 8 de fevereiro a 1º de março de 2020. Serão expostas 18 obras em acrílico sobre tela. A vernissage ocorre em 8/2, às 16h, com performance do guitarrista Nivaldo Campopiano, da banda Muzak. 

A pintura de Paulo Dud se inscreve certamente no quadro do abstracionismo geométrico, tipo Kandisnski, Max Bill entre outros. Trata-se de uma pintura que tem sentido por possuir uma grande pureza de estrutura e uma limpidez cromática. Em suas obras, segmentos da cor vibram com luminosidade dentro da própria massa que os englobam. São formas repetidas, algumas monocromáticas, outras mais vivas, numa evidência de que a liberdade do ser humano se identifica com a do artista e, nesse equilíbrio, reconhecemos sua capacidade poética.

Segundo Emanuel Von Lauenstein Massarani, crítico de arte e presidente do Instituto de Recuperação do Patrimônio Histórico no Estado de São Paulo (IPH), com 40 anos de carreira, Paulo Dud é um dos poucos representantes, no Brasil da chamada Optical art. A OP-Art, como é mais conhecida, explora as ilusões ópticas por meio das formas geométricas, ritmos e cores. Dud já participou de inúmeras exposições individuais e coletivas no Brasil, nas quais foi premiado em salões de arte e tem quadros em coleções no exterior. Seu trabalho é classificado como abstrato-geométrico e tem raízes no construtivismo alemão da escola Bauhaus, que modificou os conceitos da arte moderna e da arquitetura, produzindo obras que tinham como fundamento a geometria e a matemática.

“Como autodidata, comecei a pintar na adolescência. Era uma pintura meio psicodélica, mas ao mesmo tempo primitiva, mas depois por influência de um amigo, o artista plástico Luís Sacilotto (1924 – 2003) me entusiasmei e comecei a estudar, revela o artista. Há 30 anos em Embu das Artes, Dud instalou seu atelier e participa intensamente das atividades culturais locais e dos movimentos artísticos da cidade nas últimas décadas. Tem feito também curadoria de exposições realizadas pela Prefeitura, por meio da Secretaria de Cultura.

Exposição Concretismo e Percepção visível de Paulo Dud
De 8 de fevereiro a 1º de março de 2020
Vernissage: 8/2, às 16h
Local: Centro Cultural Mestre Assis do Embu
Endereço: Largo 21 de Abril, 29 – Centro
Telefone: (11) 4781-4462

 

 

 



DESTAQUE

NEWSLETTER

PRAÇAS DE ATENDIMENTO

Centro
Santa Tereza
Santo Eduardo


Eficiência e qualidade na prestação de serviços: abertura de empresa, emissão de certidões, parcelamento de débitos, escrituração fiscal e outros
Prefeitura de Embu das Artes - Sec. de Gestão Tecnológica e Comunicação
Rua Andronico dos Prazeres Gonçalves, 114 - Centro Estado de São Paulo - Brasil CEP: 06803-900 PABX: +55 (11) 4785-3500 Disque Serviços: 0800 773 0005